Código de Conduta

Estabelecer o Código de Conduta aos colaboradores envolvidos na implantação da linha de transmissão é essencial para garantir um bom convívio entre a obra e as comunidades diretamente afetadas por ela, por meio de Diretrizes, Normas e Princípios

O Código de Conduta é apresentado na forma de cartilha, contendo informações sobre Segurança do Trabalho, deveres dos trabalhadores, cuidados com o meio ambiente, orientações de relacionamento com a comunidade, segurança de trânsito e meios de transporte e as práticas inaceitáveis pela empresa. 

Objetivos

Informar aos colaboradores das diretrizes comportamentais a serem exigidas pela empresa, buscando o bem-estar e segurança de todos. 

Buscar Minimizar os conflitos que podem ser gerados entre as comunidades e empreendedores. 

Contribuir para a formação de uma imagem positiva da empresa.

Manter a rotina dos colaboradores de forma adequada, respeitando as normas inteiras e a legislação vigente do país.

Promover hábitos adequados para o bem-estar dos colaboradores, sua segurança, bem como do patrimônio e do meio ambiente como garantia de trabalho responsável e conduta exemplar.

Segurança do Trabalho

A construção oferece riscos de acidentes. Em determinados casos, os ambientes de trabalho estarão isolados e distantes das áreas urbanas, dificultando o socorro imediato. Neste caso, é importante adotar cuidados que possam minimizar riscos, como:

  • Recolher e deixar com os responsáveis, todos os dias, os instrumentos de trabalho que utilizou;
  • Estar atento ao utilizar as ferramentas de trabalho para evitar acidentes pessoais;
  • Levar sempre materiais para primeiros socorros;
  • Em caso de acidente, comunicar imediatamente ao supervisor da obra, para que a vítima seja socorrida o mais rápido possível;
  • Sempre utilizar Equipamentos de Proteção Individual (EPI), como luvas, botas, máscaras, protetores de ouvido, perneiras, uniforme completo e capacete;
  • Manter-se atualizados com as vacinas obrigatórias;
  • Verificar a procedência e acondicionamento da água e de alimentos;
  • Utilizar sempre a ferramenta correta, sem improvisações. 

    Segurança na Utilização de Meios de Transporte

    O comportamento adequado para segurança no trânsito deve ser: Respeitar leis de trânsito e os limites de velocidade e na condução de veículos, verificar as condições da pista e reduzir a velocidade quando:

  • Trafegar por trechos escorregadios com acúmulo de água, óleo, areia, lama e outros líquidos e/ou materiais que possam provocar derrapagens;
  • Houver ventos fortes que possam provocar a perda de estabilidade e de controle do automóvel.
  • Em áreas rurais, redobrar a atenção por causa de outros meios de locomoção, como carros, motocicletas, bicicletas, além da presença de pedestres e animais que transitam pelas estradas.
  • No caso de utilização de motocicletas, sempre utilizar capacete. 

Deveres dos Colaboradores

Manter-se dentro das instalações do empreendimento gozando de boa saúde;

Manter as instalações da obra ou do canteiro sempre limpa e organizada;

Comunicar à Qualidade, Saúde, Meio Ambiente e Segurança do Trabalho (QSMS) qualquer ocorrência anormal ou fato relacionado à saúde, meio ambiente e segurança do trabalho;

Participar e fazer cumprir as orientações apresentadas no Diálogo Diário de Segurança (DDS);

Cumprir as normas de segurança e usar os Equipamentos de Proteção Individual - EPI;

Não cometer ato inseguro (desvios) na tentativa de ganhar tempo e cumprir metas;

Respeitar as sinalizações, placas, avisos e etc;

Não fazer uso, possuir, vender, fabricar, distribuir, ocultar ou transportar nas instalações do CLIENTE ou CONTRATADA qualquer substância proibida ou materiais para uso de drogas ilícitas.

Meio Ambiente

O Código de Conduta também orienta os colaboradores sobre cuidados que se devem ter com o meio ambiente, além das condicionantes que são exigidas pelo licenciamento ambiental, os colaboradores são sensibilizados para respeitar a natureza e o espaço em que convivem. Seguem alguns dos conceitos que são trabalhados:

  • Proibida a caça, captura e manutenção em cativeiro de animais silvestres;
  • Não é permitida a derrubada de vegetação sem autorização;
  • Não é permitida a coleta e o transporte de plantas, raízes e flores, a retirada de frutas ou qualquer plantação do local de desenvolvimento das atividades de trabalho;
  • Animais domésticos e silvestres NÂO devem ser alimentados;
  • Informar a Coordenação de Meio Ambiente caso algum animal silvestre seja encontrado ferido;
  • Proibido acender fogueiras ou fazer queimadas;
  • Não beber água e ou tomar banho em rios e igarapés, principalmente ao entardecer ou amanhecer por causa de vetores transmissores de doenças como febre amarela, malária, etc.
  • Não desperdice água, pois só a natureza é capaz de produzi-la, o que a torna mais preciosa e necessária de proteção;
  • Não poluir ou contaminar nascentes, rios, riachos, córregos, cursos d'água, etc;
  • Praticar coleta seletiva de resíduos e destiná-los corretamente ao canteiro;
  • Não é permitido manuseio de qualquer combustível ou produto químico fora da área de delimitação da atividade a ser desenvolvida ou nas proximidades de corpos d'água. 

Relação com a Comunidade

A chegada de um empreendimento em uma região altera muito o cotidiano da população local. Diariamente, os colaboradores envolvidos na implantação da linha transitam de carro e a pé em bairros rurais, centros urbanos, propriedades particulares, e por isso é muito importante orientá-los sobre como se relacionar com respeito ao próximo e a cultura local. Algumas das orientações passadas:

  • Ser educado com os moradores das comunidades locais;
  • Respeitar a cultura local;
  • Não manter envolvimento com pessoas das comunidades;
  • Respeitar as propriedades alheias.

Acesse aqui o Código de Conduta.